Amizades que duram

Quarta-feira (13/09). Há dias venho pensando em fazer um post falando sobre amizade. Alguns amigos são para sempre e percebo isso nos gestos de cada um. Recentemente fui à casa de uma amiga e já fazia cerca de 5 meses que não nos víamos, sabe aquela sensação de conversar com alguém e parecer que vocês estavam juntos recentemente? Que vocês não estavam separados? Senti isso. Acho que está é uma das melhores sensações quando se trata de amizade, pois você tem certeza que a sua relação continua firme e forte. Meu maior medo é ver uma relação sólida se desfazer. Tenho receio de perder pessoas, pois cada uma que aparece em minha vida é especial de alguma forma, algumas me fazem dar gargalhadas ininterruptas, outras me fazem chorar de emoção e assim vai… 

Cheguei a um ponto da minha vida que já não me desdobro para manter relações. Cansei de correr atrás das pessoas, e tenho certeza que elas pensam da mesma forma. Quando entrei na vida adulta percebi que os laços realmente permanecem se forem verdadeiros e sólidos o bastante para aguentar os trancos da distância. Não existe algo mais constrangedor do que encontrar alguém que você considera e no final não ter assunto, ir para papos que derivam de tempo, do que andam fazendo e outros assuntos forçados, pelo menos para mim é péssimo. O legal mesmo é você sentar, fazer brincadeiras, lembrar do passado, ver fotos e no final ver que aquilo que você tinha continua ali guardadinho a setes chaves. Por isso digo que valorizo tanto algumas relações, pois não é fácil mantê-las. Quantas vezes já não tentei me ludibriar e bater na mesma tecla até ver que o alguém com quem eu estava tentando dar certo nunca teria futuro na minha vida?! É triste ver que você gosta de uma pessoa, mas é melhor ela longe do que perto. 

Me senti renovada e segura de mim ao perceber que mais uma das minhas grandes amizades estava ali mais uma vez me esperando e que estava literalmente intacta, sabe?! Me senti completa. E afirmo também que já joguei no mundo todas aquelas que me faziam mal, felizmente. Já basta você ter que lidar com um dia a dia caótico e contratempos, não se apegue àquilo que te faz mal e cultive, com todo o amor, aquilo que te traz bons sentimentos, boas risadas e apoio infinito. Afinal, é melhor estar só do que mal acompanhada (o)!

PS: Nem todas as pessoas das quais me afastei me faziam mal. Acho que você sabe que o tempo também é um fator importante para este fenômeno, né?! 

Beijos e abraços, Lu. 

3 comentários em “Amizades que duram

      1. No mês de Maio fiz um desafio de 30 dias em que cada dia precisava responder a um tema específico. Neste mês de setembro estou fazendo outro em comemoração aos 03 anos do meu Blog. Dá uma olhadinha lá… Quem sabe você não acha legal! Mesmo que não queira fazer os 30 dias, pode tirar algumas ideias 🙂
        Beijo!

        Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s